Diário de uma gravação acústica

Redland son é o novo single recém lançado e que dá título ao novo álbum de estúdio do Luke de Held & The Lucky Band, O álbum ainda está sendo preparado e tem lançamento previsto para o final deste ano.


Despretensiosamente, havia uma sessão acústica agendada com o Luke. Era pra ser um trabalho solo para movimentar os canais sociais, mas eis que chegam Luke e Diogo Morgado com os violões e um climão no ar. Logo acrescentei e reposicionei os microfones e pela primeira vez, juntos, Luke e Diogo tocaram esta composição.


O áudio foi captado com 5 microfones condensers, sendo 1 par de rooms em XY para dar aquela ambiência. Nos dias seguintes, enderecei as saídas do Pro Tools para a Mackie Onyx, acrescentei um canal mono de reverb de mola analógico, onde usei na voz e nos solos de violão. Usei o buss compressor no output da mesa de som e, na volta para o Pro Tools, fechei a master com poucos dbs de threshold em um limiter digital. Registrei parte do processo da mix neste curto vídeo.


O resultado podemos conferir logo abaixo com a produção de imagens pela pela Vaca Barbuda Video Lab.

O single também acaba de ir ao ar pelo Spotify.



Posts Recentes
Arquivo