Estúdio Toque Grave

(43) 3039-2097 | (43) 99941-5372

toquegrave@gmail.com

Londrina - PR

O ESTÚDIO

IMG_8145.jpg

Na ativa desde 2013, o estúdio Toque Grave completa 6 anos em Agosto de 2019 e situa-se em Londrina-PR. Com ambiente planejado e projeto desenvolvido pelo arquiteto doutor em acústica Carlos Tamanini, o Toque Grave oferece conforto acústico e favorece a inspiração do artista, seja em um simples ensaio ou em uma complexa produção de um álbum.

Nossa missão é priorizar sua personalidade musical e extrair o seu máximo em cada momento com a gente. E nada disso é possível sem um profissional qualificado e apto a dirigir as produções musicais de um estúdio.

O PRODUTOR MUSICAL

Envolvido com a música desde os 15 anos, o produtor musical Marco Aurélio Silva acumulou vasta experiência de palco tocando em diversas bandas até então. Hoje, aos 35, dedica-se somente à música após abdicar uma carreira de Bioquímico e um mestrado em Patologia experimental.

À frente do Toque Grave desde a inauguração, gravou, produziu e mixou mais de 60 sessões ao vivo, mais de 25 álbuns, EPs e diversos singles. Mas desde o início procurou qualificar-se para poder atender profissionalmente.

APRIMORANDO

44807322_1948152598601058_55325775112102

Marco aprimorou técnicas de gravação, direção musical e mixagem em cursos e workshops com grandes produtores no Brasil e nos EUA. De 2014 a 2016 cursou workshops presenciais com Paulo Anhaia no famoso estúdio Midas, com o americano Eric Silver no grandioso estúdio Mosh e também participou da semana do áudio com Lisciel Franco em São Paulo. Há três anos é pro-member do Mix with the Masters (MWTM), onde aprimora técnicas semanalmente através de master class em vídeo. Foi quando em Outubro de 2018 foi a New York City, contemplado a participar da 145ª AES, onde assistiu 24 palestras em 3 dias de convenção, com produtores e engenheiros de mixagem como Al Schmitt, Michael Brauer, Jack Joseph Puig, Tchad Blake e muitos outros. Na foto abaixo, Marco na primeira fila durante o mixing workshop de Chris Lord-Alge.

44563773_1941435135939471_12293057542094

Além da convenção, participou também do One Day Seminar do MWTM no icônico estúdio Platinum Sound Recording na Broadway, com 10 horas de workshop, ministradas por ninguém menos que Andrew Scheps, responsável pelas sonoridades de Adele a Red Hot Chili Peppers e de Metallica a Black Sabbath. Ainda em NYC, Marco comandou uma sessão de 10h como principal engenheiro de mixagem no Bunker Studios, um estúdio vintage situado no Brooklyn. Lá, mixou o single "Lonesom Blues" de Tiago Galleli e o Mini Concert de Luke de Held e Marco Aurélio Silva, todos na lendária mesa Neve 8058 do anos 70, na qual artistas como Aerosmith já gravaram na própria console.

INSTRUINDO

DSC04352.jpg

A partir de 2016 passou a promover seus próprios workshops, foi quando criou o MIX DAY, um encontro de mixagem, gravação e produção musical, que conduz até os dias de hoje com a pretensão de lançamento online em breve. Marco também passou a ministrar palestras fora do estúdio Toque Grave, como a Master Class (foto acima) na loja FIladélfia em Londrina. 

Os dois últimos anos também foram marcados pela retomada nas próprias composições, lançando o EP Horizonte em todas as plataformas digitais e fisicamente nos shows com sua banda em meados de 2018.

Hoje, Marco carrega no currículo produções que marcaram a região do PR, como 2 álbuns de Luke de Held & The Lucky Band e Senhor Bonifácio, além de lives em estúdio com Bidê ou Balde, Autoramas, com os americanos do Mr. Sipp the Mississippi Blues Child e mais um prêmio especial, "O melhor produtor musical de 2018", concebido pelo Redland International Music Festival.

A presença do produtor musical dentro do estúdio é ​indispensável. Sua direção musical otimiza os takes de gravação e traz profissionalismo da pré-produção à master final.

 

Não importa quantas vezes aperte o REC, mas sim quantas vezes vai querer ouví-lo.

Venha produzir no Toque Grave!